Comportamento Macabro

by Presto?

/
1.
2.
3.
02:18
4.
5.
6.
7.
8.
9.
10.
01:39
11.
01:46
12.
13.
14.
00:47
15.
01:47
16.
01:38
17.
18.

credits

released January 1, 2009

Carioca - bateria
André - baixo
Carlinhos - guitarra
Daniel - vocal

participações
"Hora Extra" - Marcos (Claustrofobia)
"Papo de Nóia" - Fernando Lamb (Chorume) e Henrique (Oitão)
"Pano Furado" - Sérgio (Atroz)
prestosp@gmail.com

www.myspace.com/paunasualontra
www.fotolog.net/paunasualontra

tags

license

all rights reserved

about

Läjä Rex Vila Velha, Brazil

contact / help

Contact Läjä Rex

Track Name: Tsunami do Mal
Pessoas circulando como ratos de laboratório
Em um labirinto pra lugar nenhum
Correm como sangue pelas veias da cidade
Todos desesperados pra arrumar algum

E derrepente vem uma onda de revoltados
Roubando e varrendo um por um
Fazendo a rapa num arrastão infernal
Pilhando e depredando tsunami do mal

Tsunami do mal (2x)

A massa humana vai avançando
Destruindo tudo a sua frente
Não adianta procurar refúgio
Por mais que você tente

(Repete a primeira parte)

O exército dos excluídos vai marchando
Os miseráveis da linha de frente
Derrubando grades e muros
A depredadora onda de gente
Track Name: História Com Fim
Escute só eu vou lhe falar
Eu sei bem aonde você foi parar
Batendo de porta em porta
Mentindo pra conseguir esmola

Pegando as coisas dos camarada
Pra depois levar na bocada
Sai de casa na calada
Pra ser envolver em parada errada

Nojo, única reação que você causa aos outros
Tinha tudo e trocou por nada
Quis entrar na barca furada

Fiquei sabendo por onde andava por uma nota no jornal
Qual que foi o seu final
Esse foi o seu final

Zóio virado e só o osso
Morto com vinte e poucos
Caixão fechado e tiro na cara
Esse é o fim da sua jornada
Track Name: Necrosocial
Nasceu na favela num é filho de ninguém
Logo pivete já foi pra febem
Aprendeu a roubar e a matar também
Mata até sem um porquê

Necrosocial (2x)

Uma casca de ferida, na sociedade patriarcal
Pra incomodar o máximo possível, necrose social

Igual a ele tem mais de mil
Cresceram e multiplicaram pelo Brasil
Partido do terror vai comandar
Soldados e mais soldados a se alistar

Necrosocial (2x)

Uma casca de ferida, na sociedade patriarcal
Pra incomodar o máximo possível, necrose social

Se você está as margens da sociedade
E não tem nada á perder
Queremos ver o circo pegar fogo
Vamos botar para fuder
Track Name: Escola do Bandido da Luz Vermelha
Melhor não gritá, melhor não chorá
Melhor ficar quietinho quando na sua casa entrar
Vô te amarra, vô te amordaçá
Fala logo onde é o cofre senão vô te arregaçá

As suas jóia e o seus dólar, tudo isso eu vou levar
Não adianta reclamar, pra quem quer que seja

Em São Paulo é assim, escola do bandido da luz vermelha
Em São Paulo é assim, escola do bandido da luz vermelha

Invadindo sua segurança
Acabando com a sua paz
A horda dos excluídos
Cada dia chega um a mais
Venha se matricular na escola do bandido

É a solução pra você que tá falido
Track Name: Hora Extra No Mundo
Quando eu te encontrar
Se você tiver, pouca sorte
Vou te espancar
E te ver sangrar até a morte

Você não tá ligado
Na roubada em que se enfiou
O seu filme tá queimado
E foi só você que se zuou

Pegou dinheiro emprestado
Seus amigos enganou
E todas as pessoas que tentaram te ajudar

Você sequer notou!!! (2x)

Anda por aí todo cagado
Ninguém consegue ficar um minuto ao seu lado

A solução é se matar
O coveiro não vê a hora
de poder te enterrar

Cada dia você pisa mais fundo
Chega de fazer hora extra nesse mundo

Vou te ver sangrar
E não vou chorar
Azar do coveiro
Que vai te enterrar

O coveiro não vê a hora
De poder te enterrar

Cada dia você pisa mais fundo
Chega de fazer hora extra nesse mundo
Track Name: Lawyer = Liar
Manipulate is my only chance
to make all believe what I say is true
I don't give about your ethics
I'm gonna do what's best for me,
I'll do my best to set you free
I'm gonna do what's best for me,
I'll do my best to set you free

I'm a lawyer
I'm a liar

My job is to make the guilty go free
I don't care what I'll do for it
My only intrest is money,
I'm gonna make it my way
Cry all you want you're going down
Track Name: Criança Mutante Com Problema Na Cabeça
Vinte anos no escuro
Torturada por um monstro
Criança mutante com problema na cabeça
Estuprada e espancada

Criança mutante com problema na cabeça

Bica na cara, soco na nuca
Comia a filha, feito uma puta

Tiuzinho se eu te pego
Te espanco até a morte
Condenado filho da puta
Você não teve sorte

Você vai agonizar
Pedófilo desgraçado
Escondeu a sua cara
A sua cabeça é retardada

Seu sangue é contaminado
Track Name: Exército Paralelo
Faça parte você também do exército paralelo
Iremos lhe tratar muito bem

Te daremos o que o Estado lhe nega
O que você precisa eles nunca tem
Saúde, segurança, pode ficar tranquilo
Somos da milícia é tudo comigo

Mas não se esqueça da contribuição
Se não quiser acabar num caixão
Cidade de São Paulo terra de ninguém
Estatística você vai virar também

Um número num relatório
De um caso de polícia
Que nem sequer chegou a passar pela perícia
Seja qual for o lugar, ou qual for a sigla
Essas facções controlam sua vida

Controlam sua vida

Seja pelo poder, ou pelo capital
Nas mãos desses pilantras pode estar o seu final
Não tem pra onde correr, ou pra quem chorar
Reclamar pro Datena não vai adiantar

Você tem que usar suas armas também
Se quiser sobreviver na terra de ninguém
Não vá pra grupo, não seja só mais um
Desgraçado no jornal de desgosto nacional

Seja pelo poder, ou pelo capital
Nas mãos desses pilantras pode estar o seu final
Não tem pra onde correr, ou pra quem chorar
Reclamar pro Datena não vai adiantar

Poder paralelo vai dominar
No Brasil tudo é máfia pode acreditar
Poder paralelo vai dominar
É melhor você se acostumar
Track Name: Corre Atrás
Não posso deixar de perceber
Que tudo a minha volta mudou
Quem se adapta se deu bem
Quem vive do passado já afundou

Faz, seu, faz, seu corre atrás
Faz, seu, faz, seu corre atrás

Agora é a hora, vê se não demora
Daqui a pouco já é tempo demais
Mundo globalizado, tudo misturado
Se acostume antes que seja tarde demais

Mas é foda de aguentar, tudo é muito rápido
Nada mais é novidade, e o que é novo já é chato

Se enfurne dentro de casa
e veja tudo do computador
As maravilhas do mundo moderno
quem não se adapta é perdedor

Faz seu corre, seja esperto não demore
Daqui a pouco já é tempo demais
Não fique aí parado, mundo globalizado
Atropela quem não corre atrás
Track Name: Lula
Eu sonho com o dia que as crianças jogarão bola
Com as cabeças cortadas dos políticos do Brasil
Bando de filhos da puta marajás e mercenários
Serão exterminados, está por um fio

Não adianta chorar
Não teremos pena de vocês
Queremos somente exterminar
Todos políticos de uma vez

Em bandos andaremos pelas ruas escuras
Com tochas na mão exigindo justiça
Vamos caçar todos filhos da puta
E acabar com os parasitas

Eu sonho com o dia que as crianças jogarão bola
Com as cabeças cortadas dos políticos do Brasil
Bando de filhos da puta marajás e mercenários
Serão exterminados, está por um fio
Track Name: Restaurante Canibal
Se você também gosta
De comer carne humana
Sinta-se á vontade
No melhor fast food da cidade

Restaurante canibal
Mais barato e prestativo
Alimente sua raiva
Esfaqueando seu amigo

Vísceras mortais, espetinho de criança
Fetos suculentos, banhados em diarréia

O sustento do restaurante é tirado do seu sangue
A sua família vai chorar, quando ver a sua cabeça na bandeja

Ardendo até torrar, o seu sobrinho vai estalar
Pode acreditar, seu futuro é ser um espeto
Track Name: Papo de Nóia (Não Sai do Papel)
Nóia, desespero, desconforto, aflição
Vazio, medo e o cú na mão
Cotidiano embaçado é a vida na cidade
É melhor não se desesperar

Começa de manhã, não tem hora pra acabar
É o seu cotidiano não tem como escapar
O final você já sabe, mas finge que não vê
Cadeia, hospício ou caixão, esperam você

Papo de nóia, sua vida é uma merda, isso não te incomoda

É o que sobra esse mundo afora
O que não falta é um monte de nóia
A humanidade em desespero, em todo lugar que se vê

Em busca de alguma coisa pra não morrer
O que te motiva, qual é a razão
Pra não passar essa vida em vão

Papo de nóia, sua vida é uma merda, isso não te incomoda
Track Name: Mente Vazia
Sua mente vazia já não sabe o que fazer
Para te destruir e poder te controlar

O ciclo vicioso toma conta de você
Roubando sua vida te impedindo de sonhar

Mente vazia da morte
Aniquilando você

Contaminado pela desilusão
Angústia e tortura de um falso poder

Atrofiando seu lado normal
Vestindo uma máscara, esquecendo você

Mente vazia da morte
Aniquilando você
Track Name: Só Mais Um
Eles querem que você vista e coma
Eles querem que você absorva
Todo seu lixo enlatado
Que seja mais um conformado

Que seja mais uma ovelha no rebanho
Que seja mais um entre muitos

Números de uma estatística
De pessoas sem sua própria vida
Números de uma estatística
De pessoas sem sua própria vida

Não se conforme
Não absorve
Cultura de massa
De gente retardada

Que seja mais uma ovelha no rebanho
Que seja mais um entre muitos
Se contenta com nada
Com a vida parada
Track Name: Pano Furado
Desespero econômico
Empresas afundando
Desemprego, desemprego

A crise financeira e economia mundial
desespero, desemprego todo mundo se fudeu

A vida é anarquia e o egoísmo animal
Ignorância, desespero tomam conta de você

Pai de família já não tem nenhum tostão
Seus filhos estão lutando por migalhas de pão

Pano furado, migalha de pão

A crise financeira e economia mundial
desespero, desemprego todo mundo se fudeu

A vida é anarquia e o egoísmo animal
Ignorância, desespero tomam conta de você
Track Name: Noite da Jane
Agora é sua vez de sofrer
Estuprador filha da puta
Não adianta correr
Vão te fuder a força bruta

Hoje o xadrez tá agitado
É a noite da jane
Enfiam um cabo de vassora no seu rabo
E arrancam pela boca

Empalado na prisão, esse foi o seu final
Devia ter pensado antes, de causar tanto mal
Justiça carcerária, não dá ponto sem nó
Sua sorte está lançada, quando entrar no corro

Aqui dois olho por um olho
E dois dente por um dente
Se você é jack, melhor vir com a gente

Se na rua a justiça é cega
Na cadeia você perde as prega
Você não vai ficar imune
Vai pagar pelo que fez
Se na rua você tava impune
Aqui você não tem vez
Track Name: Comportamento Macabro
Porque será que agente se comporta assim
Será porque o mundo está chegando ao fim
Porque será que agente se comporta assim
Será porque o mundo está chegando ao fim

Dia á dia neurótico
Pensamento psicótico
Cotidiano robótico
Faz pulsar meu nervo ótico

Ano novo mesma merda
Seja bem vindo a nova era
Tudo cheio e estrumbado
Mundo lotado de retardado

Mães matam filhos, filhos matam pais
Todo mundo se mata e ainda tem gente demais
Mas o que fazer com esse problemão
Extinção da raça humana é a solução

Não tem mais pra onde ir
A única solução é o fim
O ser humano causa sua extinção
Deixando as pessoas com o cú na mão

O meu fim, o seu fim
A humanidade está chegando ao fim
Felizmente é assim
É o que restou pra mim

Mato eu, mato você
Vamos todos se matar
Para o bem do planeta
A solução é exterminar

Matar o rico, mata o pobre
Essa é a solução
Exterminar a raça humana
Pra salvar nosso mundão